Viva os mestres!

Por que é bom ser professor?

Professores de todo o Brasil estiveram reunidos em Cajamar (SP) no 6º Encontro do Programa Crer para Ver, que apóia iniciativas para a melhoria da qualidade da escola pública brasileira. O EducaRede aproveitou a ocasião para perguntar aos educadores sobre as vantagens da profissão. Confira algumas repostas abaixo:

Por Paloma Varón

“A gente pode ampliar possibilidades, transformar vidas. No meu caso, o que me gratifica é a mudança de postura, o fato de os jovens acreditarem que é possível ler e escrever. Assim, eles conseguem romper uma barreira social e passam a acreditar em si.”
Ana Cristina Falcão (Salvador – BA)
“Ser professor está ligado ao projeto de vida das pessoas. Quem trabalha com semeadura tem que estar sempre semeando. E nós semeamos coisas em que acreditamos.”
Djalcir Ferreira (Rio Branco – AC)
“Ser professor é, antes de qualquer coisa, uma atitude profissional. A gente precisa resgatar esse caráter. A nossa profissão tem algumas particularidades: está ligada à nossa vida, aos nossos valores, sonhos e desejos. E necessariamente tem um caráter político e afetivo. Nós podemos socializar a aprendizagem e aprendemos com os alunos. É uma grande troca de experiências. A experiência docente modifica o professor, impõe desafios, nos faz repensar valores e buscar outros olhares.”
Paulo Roberto Silva (Fortaleza – CE)
“Tem um momento em que, quando você está lidando com o aluno, percebe como eles pensam. E tem a possibilidade de intervir, de ajudá-los a refletir sobre o que eles estão pensando, vivendo. Assim, eles podem ampliar o olhar e você pode contribuir para isso. Acho que a condição para ser professor é acreditar na capacidade do aluno.”
Cybele Amado de Oliveira (Palmeiras – BA)
“Em primeiro lugar, você consegue fazer uma integração sócio-cultural com as pessoas. A profissão nos desafia para a formação permanente, crítica e reflexiva e impulsiona a nossa revisão dos princípios profissionais e acionadores da aprendizagem – articulada com o local e o global.”
Armgard Lutz (Ijuí – RS)
“Ninguém na vida conseguiu passar sem um professor. É a semente da vida de cada um. Ser professor é importante porque seu trabalho está sempre em movimento, lidando com a dinâmica da vida, com o mundo. E a nossa possibilidade de aprender sempre, aprender com o aluno. O professor não pode parar de observar a vida, estudar.”
Joelma de Souza Vieira (Rio de Janeiro – RJ)
“A principal vantagem é acompanhar o crescimento diário dos alunos. Uma das coisas que me leva a não desistir nunca da profissão é a possibilidade de se reconstruir como profissional sempre. A gente sempre avalia a prática e busca melhorar constantemente.”
Márcia Farinella (Concórdia – SC)
“No meu caso, que trabalho em escolas públicas da zona rural, ser professor é ter a dor e o privilégio de trabalhar com os excluídos. Como a atividade econômica no campo está esfacelada, tenho o desafio de acompanhar e aconselhar as crianças que passam pelo êxodo para as zonas urbanas.”
Maria Lúcia Prado Costa (Paraguaçu – MG)
Os sites indicados neste texto foram visitados em 11/10/2002

(CC BY-NC Acervo Educarede Brasil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *