Repercussão entre os participantes

Participantes parabenizam o Congresso
O III Congresso Ibero-Americano termina deixando nos participantes a sensação de “quero mais”. Foram conferências, relatos de experiências, mesas-redondas, painéis e oficinas pelas quais passaram mais de 1,5 mil educadores. Higino Vieira foi um deles: ?Participar desse Congresso serve para nosso aprimoramento e nos ajuda a desenvolver um telecentro?.

Para o professor da rede pública e representante da Ong “Centro Espírita O Consolador”, em Maceió, participar do III Congresso teve um gostinho especial. Em 2005, a Ong que ele representa foi contemplada com o Prêmio Itaú Unicef, categoria regional, pelo desenvolvimento do Projeto Criança Integrada. O Prêmio é coordenado pelo Cenpec (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária), que também coordena o EducaRede no Brasil. Higino faz um balanço do Congresso: ?De tudo que ouvi nesses dois dias, o que chamou muito a minha atenção foi ouvir falar da valorização da cultura, das oportunidades de se comunicar no mundo virtual e, o mais importante, sobre a inclusão digital, tão prometida nesse país?.
(Júnior Alves)

Leia os comentários dos professores da rede pública do Estado de São Paulo que participam do projeto Coisas Boas Para Minha Terra e estiveram no III Congresso Ibero-Americano EducaRede:
“Fiquei perplexa pela imensidão do III Congresso com relação à organização, qualidade das exposições, pelos palestrantes tão eficientes, comprometidos com a Educação, dispostos a nos dar suporte e pelo tratamento dedicado aos professores, pois em poucas ocasiões nos dão tratamento tão especial que valorizam o nosso trabalho e propiciam que nossa auto-estima seja resgatada de forma satisfatória, afinal somos pessoas que também precisam de reconhecimento. Obrigada a todos os envolvidos por colaborarem para a realização desse maravilhoso e inesquecível evento.”
Aparecida de Almeida Silva ? E.E. Profª Maria Elena Colonia (Mauá)

“Foi ótimo! Recebemos uma quantidade enorme de informações, mas valeu a pena. Se eu conseguir aplicar 10% de tudo o que eu ouvi por lá, me sentirei realizada, porque sei que vou deixar multiplicadores para que nossas aulas, no futuro, sejam bem mais dinâmicas. Até eu entrar no projeto Coisas Boas da Minha Terra eu tinha o maior medo de ligar um computador, não navegava pela rede, o que muitas vezes me deixava mal, por me achar desatualizada. Mas o EducaRede apareceu do nada e me fez perder o medo e também correr atrás daquilo que eu queria aprender. Hoje posso lhes garantir que sou a maior entusiasta do uso da Internet em minha escola. Parabéns ao pessoal do EducaRede, mais uma vez valeu. Obrigada pelo trabalho de vocês.”
Regina Braga ? E.E. Canuto do Val (São Paulo)

“Foi uma experiência de um valor inestimável, que com certeza vai contribuir muito para melhorar minhas práticas pedagógicas em sala de aula. Os avanços das novas tecnologias e o perfil dos alunos nesta fase contemporânea têm despertado minha atenção. É por isso que estou buscando novos caminhos e experiências que possam me ajudar a contribuir com uma Educação de qualidade.”
Orminda Noronha Brito ? E.E. Ver. Valter da Silva Costa (Itaquaquecetuba)

“Parabéns a toda equipe que participou direta e indiretamente da organização do Congresso. O tema foi muito bem abordado, a tarefa de lançar propostas em ações que são capazes de provocar reflexões sobre a prática do uso de redes de comunicação e da multimídia só nos faz refletir que precisamos nos ‘plugar’ e não nos ‘deletar’.”
Maria de L. de M. Pezzuol ? E.E.Ver. Narciso Yague Guimarães (Mogi das Cruzes)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *