Grupo de Estudos promove encontro presencial

Grupo de Estudos Online promove primeiro encontro presencial no Fórum da Cultura Digital

Por Giulliana Bianconi

 

 

Promover o encontro de redes. Este é o grande propósito do II Fórum da Cultura Digital, que acontece a partir do dia 15 de novembro, na Cinemateca, em São Paulo. E já seria motivo suficiente para o Grupo de Estudos Educar na Cultura Digital se fazer presente e reunir aqueles que interagem diariamente na plataforma online. No entanto, o primeiro encontro presencial deste Grupo que já ultrapassou a marca de 2 mil participantes ganha mais identificação com o Fórum porque, ao longo dos três dias do evento, o público vai respirar “cultura digital”.

“Decidimos aproveitar esta segunda edição do Fórum para, além de reunir participantes do Grupo de Estudos que vêm se ‘encontrando’ virtualmente, realizar também, durante o evento, nossa própria formação. Além disso, o tema do Fórum é o mesmo do Grupo de Estudos. Claro que não podíamos ficar de fora”, diz Priscila Gonsales, mediadora pedagógica do Grupo. Ela destaca  que a ideia é promover um encontro informal, um bate-papo. “Como tudo no Grupo de Estudos, nada é obrigatório. Quem puder, vai”.

Junto a outras iniciativas, o Grupo de Estudos Online Educar na Cultura Digital vai participar, na noite de 16 de novembro, às 18h30, do espaço Encontro de Redes, onde o tema será justamente “Educação e Cultura Digital”. Thiago Saldanha, da equipe da organização do evento, explica que “neste mesmo espaço vai acontecer o encontro de várias ações de educação, agrupadas para facilitar a troca entre redes. ”Algumas delas são a Puraqué, Saúde e Alegria e REA.

Priscila Gonsales diz que este espaço dedicado à educação é inédito. Ela conta que em 2009, quando participou da primeira edição do evento com a equipe do EducaRede Brasil, da qual é gestora-executiva, a importância de as discussões também considerarem a pauta da educação foi pontuada na rede social do Fórum. “A cultura digital é transversal a todas as áreas do saber, pois retrata a nossa sociedade contemporânea. A função de educar, em essência, deve contemplar o olhar para o mundo lá fora, para a sociedade contemporânea, marcada por uma diversidade de novos códigos e linguagens”, afirma.

 

Relato de Experiências

 

Aqueles que já estiverem acompanhando o Fórum da Cultura Digital desde a segunda-feira, 15 de novembro, podem conferir a mesa “Experiências de Educação e Cultura Digital”. A partir das 9h, na Sala Petrobras, Mílada Gonçalves, mediadora pedagógica do Grupo de Estudos Online, conversará, ao longo de uma hora, com profissionais do “Laboratório Web de Comunicação – UFRJ”, do “Centro Educacional Pioneiro”, do projeto “SELIGA”, do projeto “Folhas e o Livro Didático” e do “Polo de Cultura Digital”.

A cultura digital, que permeia todos os espaços online de conversa e interação do Grupo de Estudos com o seu público – redes sociais, plataforma Moodle -, será discutida no Fórum por profissionais de diferentes áreas do conhecimento, de vários países, sob a ótica da política, da educação, da economia, da arte, da própria cultura e, claro, da tecnologia. Será discutida por ativistas, por gestores de projetos, por coletivos e por todos os que se interessam pelo tema.

O evento é dos mais democráticos. Aberto ao público, não requer inscrições prévias – devem ser feitas na Cinemateca, nos dias do Fórum. É só chegar, acompanhar as conversas e interagir. Confira aqui a programação completa do II Fórum da Cultura Digital.

___________________________________

Serviço:

II Fórum da Cultura Digital


Quando:
15 a 17 de Novembro de 2010

Onde: Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Vila Clementino – 04021-070 – São Paulo.Veja o mapa.

Evento Gratuito

 

(CC BY-NC Acervo Educarede Brasil)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *