Travessia

Disciplina: Educação Física
Ciclo: Ensino Fundamental – 5ª a 9ª
Assunto: Desafio em grupo
Tipo: Metodologias
As dinâmicas do trabalho em grupo devem ser objeto de interesse de todas as áreas do conhecimento porque elas criam as condições favoráveis para se aprimorar a capacidade dos alunos de trabalhar coletivamente, sem desrespeitar suas individualidades. Não raras vezes, estas experiências são muito mais significativas e enriquecedoras para uma dada reflexão do que uma simples conversa. E os desafios em grupo geralmente conquistam todos os alunos quando instigados a resolver um determinado problema.

Para essa atividade são necessários três bambolês para cada grupo de 12 a 15 alunos, e um espaço de 15 a 20 metros, demarcado por duas linhas paralelas: uma inicial e outra final. Em uma quadra poliesportiva, pode-se usar a extensão da quadra de voleibol.

Para iniciar a atividade, divida a turma em grupos de aproximadamente 15 alunos. Cada grupo deve formar um pequeno círculo próximo à linha inicial; para isso, todos devem se sentar. Em seguida, o professor entrega três bambolês para cada uma das equipes e apresenta o desafio: fazer a travessia de todos os componentes do grupo até a linha final no menor tempo possível. Para isso, todo o deslocamento necessário só será permitido se feito dentro da área delimitada pelos bambolês.

Uma regra importante: não é permitido arrastar os bambolês pelo chão. Se algum integrante do grupo, por qualquer motivo, pisar fora dos bambolês, toda a equipe deve voltar à linha inicial e fazer nova tentativa. O grupo vencedor será aquele que primeiro completar essa travessia. E a partir dessas regras, os grupos terão 10 a 15 minutos para elaborar uma estratégia para atingir esse objetivo.

É muito comum entre os alunos surgirem várias dúvidas após essa breve explanação, mas o interessante para a realização da atividade é não explicá-la demais. Destaque apenas que as pessoas só podem atravessar a quadra, ou o local predeterminado, pisando dentro dos bambolês e que há diversas formas de o grupo se organizar para chegar à outra extremidade do espaço.

Durante todas as etapas da atividade é interessante que o professor observe atentamente como os alunos se comportam no momento de traçar as estratégias necessárias para atingir o objetivo proposto, por exemplo:

  • Todos têm a voz respeitada no grupo?
  • Todos se mobilizam com a questão?
  • Há lideranças? Como se relacionam com elas?
  • Como reagem aos equívocos de um companheiro?

Ao final da atividade, e após a empolgação natural por ela provocada, o resultado dessa observação deve ser apresentado cuidadosamente aos alunos. Em seguida, convide-os a comentar suas observações, ampliá-las, rebatê-las… Este momento será bastante enriquecedor para a formação de todos.

Texto Original: Iza Anaclêto e Mônica Arruda Xavier

Edição: Equipe EducaRede

(CC BY-NC Acervo Educarede Brasil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>